Talvez a maior razão pela qual temos medo da morte é porque não sabemos quem somos”, Sogyal Rinpoche

images.jpg

“Talvez a maior razão pela qual temos medo da morte é porque não sabemos quem somos. Acreditamos numa identidade pessoal, única e separada — mas se nos atrevermos a examiná-la, descobriremos que essa identidade depende totalmente de uma colecção interminável de coisas para se sustentar: o nosso nome, a nossa “biografia”, os nossos parceiros, família, casa, trabalho, amigos, cartões de crédito… É com a ajuda frágil e transitória delas que nós baseamos a nossa segurança. Então quando tudo isso é subtraído, teremos alguma ideia de quem realmente somos? Sem os nossos acessórios familiares, temos que encarar somente nós mesmos, uma pessoa que não conhecemos, um incómodo estranho com que estivemos vivendo todo o tempo mas nunca realmente quisemos conhece-lo. Não é por isso que temos tentado preencher cada momento do tempo com barulho e actividade, não importa o quão trivial ou monótono, para garantir que nunca fiquemos em silêncio sozinhos com esse estranho?”
~ Sogyal Rinpoche, no “Livro Tibetano do Viver e do Morrer”

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s